14 de janeiro de 2007

Calendário do Esquecimento

Num tempo em que todos andamos a correr, em que temos de ter tempo para tudo e acabamos por não ter tempo para nada, em que os relógios são os melhores amigos, e as agendas dos telemóveis as nossas companheiras fiéis, olhar para o calendário e parar uns instantes para pensar sobre o significado desse dia, é um acontecimento se não-existente , exporádico. E apesar de todas as desculpas possíveis e imaginárias, é inaceitável que se esqueça o aniversário da mãe, de um melhor amigo, de casamento, e até de início de namoro! São dias especiais, aos quais todos nos deviamos dedicar tal como eles se dedicaram a nós. Temos de combater essa ideia imposta que não temos tempo para nada, muito menos para pensar! Vamos todos parar e pensar neste fim de fim-de-semana!

3 comentários:

Romã disse...

antes de mais, estou assim totalmente retratada ai! acho que a Senhora Leite Creme mais uma vez expos tudo aquilo em que eu tambem penso. Posto isto, sou completamente adepta dessa reflexão que propoes para o fim-de-semana. apesar de ja desculpar esses esquecimentos, acho que é algo que se deveria valorizar tenha o acontecimento tido lugar ha 3 meses ou ha 3 anos. é com o esquecimento que os sentimentos e as memórias vão morrendo, falta estimular as recordações e as felicitações aquando destas. e espero bem que para a próxima vez que, por exemplo, os meus sapatos novos façam anos alguém se lembre. cumprimentos.

Colesterol disse...

Eu cá acho que aniversários é parvo, datas comemorativas de namoros ainda mais e as pessoas que fazem cartões e postais tipo "Parabéns! É uma menina!" deviam morrer lenta e dolorosamente.

Jones disse...

nas palavras de Carrie Bradshaw "Congratulations!You didn't marry the wrong guy!".são essas as coisas que se deviam celebrar. agora o nosso nascimento?até parece que tivemos escolha quando nascemos...